A Senhora do Cãozinho

A Senhora do Cãozinho é, a par de O Beijo, um dos melhores e mais conhecidos contos de Tchékhov.

SOBRE O AUTOR:
O avô de Anton Tchékhov era servo; o pai, um pequeno comerciante. Na década de…
10%

6.30 

Categoria: Clássicos Russos, Contos, Contos Singulares
Tradução: Filipe Guerra, Nina Guerra
EAN: 9789897832741
Data de publicação: 20220922
Nº de páginas: 48
Formato: 11,3 x 16 x 0,375
Acabamento: capa mole
Peso: 51
Descrição completa:

A Senhora do Cãozinho é, a par de O Beijo, um dos melhores e mais conhecidos contos de Tchékhov.

SOBRE O AUTOR:
O avô de Anton Tchékhov era servo; o pai, um pequeno comerciante. Na década de 1870 arruinou-se, pelo que toda a família se mudou para Moscovo; Anton Tchékhov ficou sozinho em Taganrog (Sudeste da Rússia) a fim de terminar o curso dos liceus. Viu-se obrigado a ganhar a vida. Terminado o curso, em 1879, mudou-se também para Moscovo e entrou na universidade. Tchékhov começou a escrever os seus primeiros contos para ajudar a família. Ao acabar o curso de Medicina, tornou-se assistente do médico distrital de uma pequena cidade de província. As duas primeiras colectâneas de contos de Tchékhov — Contos Matizados e No Crepúsculo — foram editadas em 1886 e 1887 e mereceram de imediato o reconhecimento dos leitores. A partir daí, e com a publicação de contos, nove- las e de peças como A Gaivota e O Ginjal, passou a ser considerado um dos mais importantes escritores russos, tendo a possibilidade de publicar as suas obras nas melhores revistas literárias, de abandonar a prática clínica e de se dedicar a tempo inteiro à literatura. Depressa comprou uma peque- na casa perto de Moscovo, onde se instalou com toda a família. Em Junho de 1904, já muito enfraquecido pela tuberculose, viajou pela última vez em busca da cura — desta vez para Badenweiler, na Floresta Negra alemã. (…) Morreu em 2 de Julho de 1904, longe da família e dos amigos. (A partir de um texto de Vladimir Nabokov)

Do mesmo autor:
Outras sugestões: