Cartas a Milena

Esta é a primeira edição integral das cartas de Kafka a Milena.

«“A ti, por sua causa e tua, uma pessoa pode dizer a verdade como a mais ninguém, mais até, pode saber a sua verdade directam…
10%

15.75 

Categoria: Cartas
Tradução: António Sousa Ribeiro
EAN: 9789896418502
Data de publicação: 20181022
Nº de páginas: 272
Formato: 15,3 x 23,3 cms
Acabamento: Capa Mole
Peso: 416 gramas

Warning: Undefined array key "cf_value" in /var/www/relogiodagua/wp-content/plugins/us-core/functions/helpers.php on line 4526
Adicionar aos Favoritos
Adicionar aos Favoritos
Partilhe:
Descrição completa:

Esta é a primeira edição integral das cartas de Kafka a Milena.

«“A ti, por sua causa e tua, uma pessoa pode dizer a verdade como a mais ninguém, mais até, pode saber a sua verdade directamente de ti.” Talvez como mais nenhum outro, este passo da carta escrita por Franz Kafka em 25 de Setembro de 1920 a Milena Pollak dá testemunho não apenas da intensidade da relação entre ambos — provavelmente, a relação amorosa mais profunda da vida de Kafka —, mas também do extremo de exposição pessoal a que o autor d’O Processo estava disposto no âmbito dessa relação. Poucos dias antes, a 22 de Setembro, esse extremo expressara-se numa imagem de inultrapassável violência — “o amor é seres para mim a faca com que remexo as minhas entranhas” (…).» [Do Prefácio]

Franz Kafka conheceu Milena como tradutora para o checo das suas primeiras prosas breves. Ele tinha trinta e sete anos, ela vinte e três. A sua relação transformou-se numa ligação apaixonada.As cartas testemunham um romance de amor, de desespero, de felicidade e de humilhação voluntária. Mas a ligação entre Kafka e Milena permaneceu, apesar dos seus raros encontros, essencialmente epistolar, como as de Werther ou de Kierkegaard.Milena morreu vinte anos depois de Kafka, no campo de concentração de Ravensbrück.

Do mesmo autor:
Outras sugestões: